EDITOR CHEFE : Alexandre França
EDIÇÃO E FOTOS EXCLUSIVAS : André Reis
ILUSTRAÇÕES : Elizabeth Shimaru, Hélio de Lima
COLABORAÇÃO : Vânia Beatriz A. Vilela

quarta-feira, 19 de novembro de 2014

"KANDISNKY: TUDO COMEÇA NUM PONTO"

por Alexandre França

Com informações de catraca livre e Correio Brasiliense



Pela primeira vez na América Latina a trajetória do precursor do abstracionismo, o russo Wassily Kandinsky (1866-1944), será contada em uma exposição gratuita. Brasília foi o local escolhido para estreiar a mostra no Brasil, que abriu ao público em 12 de novembro.





A exposição “Kandinsky: tudo começa num ponto” reúne mais de uma centena de obras e objetos do artista, seus contemporâneos e suas influências. Esse acervo diverso tem como base a coleção do Museu Estatal Russo de São Petersburgo, enriquecido com obras de mais sete museus da Rússia e coleções procedentes da Alemanha, Áustria, Inglaterra e França.





Não é exagero dizer que a exposição do pintor russo Wassily Kandinsky promove uma viagem no tempo. O artista plástico ajudou a revolucionar a arte pictórica do século 20 simplificando formas figurativas até alcançar o padrão abstracionista que o consagrou e ficou conhecido no mundo. A mostra de grande porte ocupa todos os espaços expositivos do Centro Cultural do Banco do Brasil e é subdivida em seções classificadas por temas ou períodos.






Nenhum comentário:

Postar um comentário