EDITOR CHEFE : Alexandre França
EDIÇÃO E FOTOS EXCLUSIVAS : André Reis
ILUSTRAÇÕES : Elizabeth Shimaru, Hélio de Lima
COLABORAÇÃO : Vânia Beatriz A. Vilela

terça-feira, 6 de agosto de 2013

"QUANDO FOI A ÚLTIMA VEZ QUE USUFRUIU DE UMA PRAÇA?"

por Alexandre França

Há algum tempo já perdemos o prazer de usar nossas praças. O feroz passar dos dias, as excessivas loucuras cotidianas e até mesmo uma certa dose de medo passam a ser desculpa para essa situação. A praça não é mais o espaço do prazer para conosco mesmo. Muitos de nós, nem mesmos nos permitimos mais tais momentos. Na maioria das cidades de porte médio para grande, elas viraram local de manifestações, de vendas ambulantes, passagem entre lugares. A experiência de usufruir um patrimônio público entendendo–o como uma extensão de nossa cidadania parece não mais existir. Assim, bancos, canteiros, jardins, flores, árvores, fontes, espelhos d’água e afins vão ficando cada vez mais distantes das vivencias cotidianas. E sem perceber vamos perdendo muito da poesia que o viver pode capturar. As praças são silêncios coloridos no barulho urbano. Memoriais que nos lembram que a natureza existe. Ao optar por só habitar espaços fechados, viver em condomínios, shoppings e outros vamos ficando cada vez mais pobres de sensibilidade e menos descobridores de nós mesmos. Permitamo-nos as praças !




Nenhum comentário:

Postar um comentário