EDITOR CHEFE : Alexandre França
EDIÇÃO E FOTOS EXCLUSIVAS : André Reis
ILUSTRAÇÕES : Elizabeth Shimaru, Hélio de Lima
COLABORAÇÃO : Vânia Beatriz A. Vilela

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

"COISAS QUE PODERIAM TER FIM NO MUNDO"

por Alexandre França


Gostaria de sugerir às pessoas que estão tão ligadas em pensar que o dia de hoje indica o fim do mundo, que fizessem uma listinha de coisas que de fato poderiam acabar em suas vidas, seus mundos. Momento de renovação, pensamentos positivos coletivos. Já que existe tanta popularização desse assunto pesquisei junto à alguns amigos ideias de coisas que poderiam ter fim neste mundo.

Fizemos uma listinha:


·FILAS (tudo poderia ser pago em casa mesmo, afinal pra que serve tanta tecnologia no mundo?)

·ARMAS (nada justifica uma arma)


·FOME (sempre é possível repartir o que se tem)


·INSENSIBILIDADE (todo mundo pode ir do choro ao riso, é preciso estar perceptivo)


·PRECONCEITO (cada um sabe em si mesmo a “dor e a delícia de ser o que é “, somos igualmente diferentes)


·JUROS (o dinheiro não simboliza a vida)

·INVEJA (cada um no seu quadrado e todos os quadrados seriam verdes, ou azuis, alaranjados, amarelos...)


·MEDO (a confiança no outro elimina os medos em nós mesmos)

·POLUIÇÃO (é preciso desintoxicar a alma e o coração, para que o ambiente possa reagir e reflorescer)


Se tiver um tempinho faça sua lista pessoal, pode ser na cabeça mesmo. E lembre –se que esse pode de verdade se tornar um dia memorável.

fotos Alexandre França

Um comentário:

  1. Esse post do nosso amigo Alexandre França expressa bem o significado do que significam os pensamentos expostos em inúmeros posts do GIRAGIRAFA nesse ano que se encerra. Encerro esse ano com uma alegria na minha lista de alegrias, que é exatamente participar, contribuir e aprender com esse universo de almas dispostas a modificar o mundo para abraçar ações afirmativas como as expostas nesse post do França. Bom natal a todos e que no próximo ano possamos seguir com nossas boas energias nesse espaço magnífico do GIRAGIRAFA.

    ResponderExcluir