EDITOR CHEFE : Alexandre França
EDIÇÃO E FOTOS EXCLUSIVAS : André Reis
ILUSTRAÇÕES : Elizabeth Shimaru, Hélio de Lima
COLABORAÇÃO : Vânia Beatriz A. Vilela

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

"TAPETEAR"

por Alexandre França

Pisar pode ser uma experiência sensorial para além do tato. 





Uma grande quantidade de novas opções tem surgido quando o assunto são tapetes. Assim inúmeras sugestões de formas, cores e materiais tem aparecido ou sido repensadas para estes objetos que nos trazem tanto conforto. 
 




Seja ele tátil ou visual: aparas de couro, plásticos, retalhos, fibras, materiais reciclados, ou até o velho tapete da vovó repaginado....Tapetes aconchegam os ambientes, ajudam á harmonizar as decorações e auxiliam no equilíbrio da temperatura dos espaços.





Independente de serem artesanais ou industriais, podemos considerá-los como “quadros” que se colocam na horizontal. Por isso sempre acho bacana usar tapetes de cores mais intensas ou que tragam estampas e padronagens que criem certo impacto visual.





Devemos prestar atenção às especificações dos materiais escolhidos e sua adequação às necessidades de cada local. O trafego sobre ele, as características de quem vai usá-lo, os procedimentos de limpeza são itens que não devemos esquecer ao trazer um tapete para perto de nós.


Nenhum comentário:

Postar um comentário